10 coisas que todo corredor odeia

3

Correr faz bem. Mas existem, também, as coisas que odiamos na corrida de rua. Coisas que não nos seduzem, mas nós as fazemos por serem necessárias. Ou simplesmente ocorrem coisas que são próprias do nosso esporte favorito e expõem nosso lado sombrio em alguns momentos. Elencamos aqui alguns aspectos que aborrecem a maior parte dos corredores:

1. Acordarmos tão cedo
Sim, por mais que tentemos nos acostumar, é um embate diário entre ir treinar e permanecer na cama. Certamente muitos de vocês se esforçam para abandonar a comodidade e o quentinho do colchão, ainda que tenham em mente que, uma vez iniciado o esforço, haverão de se sentir mais do que felizes na corrida de rua. Esse momento de se desgarrar de sua zona de conforto é a pior parte do dia.

2. Machucarmo-nos.
O pior que pode nos acontecer é sofrer uma lesão, não apenas por causa da dor causada ou pela fisioterapia que teremos de seguir disciplinadamente para voltar logo à pista, mas porque nos deprimimos ao constatar como somos frágeis e por não mais podermos fazer o que nos apaixona. Sobretudo quando temos um objetivo estabelecido, atrasamo-nos na preparação e os resultados já não serão os mesmos (algumas raras vezes até melhoram, mas a maior parte das vezes teremos que nos acautelar um pouco mais).

3. Distúrbios estomacais
Você se preparou por meses para perseguir um grande objetivo e, no dia da corrida de rua, por causa dos nervos ou qualquer outra razão, começa a sentir indisposição estomacal. Você decide não prestar muita atenção naquilo, mas no transcurso da prova você precisa parar e tentar identificar o que ocorre, sob risco de não poder prosseguir. Isso significa deter um movimento e, em consequência, deixar irrealizado um objetivo. Acreditem, quando se supera um transtorno desses, sua coragem aumenta.

4. Bolhas
Quando estamos treinando ou competindo forte e começamos a sentir uma chatíssima bolha no pé. Essa pequena e insignificante bolsinha de retenção de água na pele do pé ou em um dedo altera totalmente sua mecânica de corrida, te impedindo de alcançar seu melhor rendimento possível.

5. Os comentários dos que não correm
Sempre, inevitavelmente, encontraremos pessoas que não compreendem a razão de nossa paixão pela corrida. Mas não apenas isso! Tecem também comentários ou frases como “correr me parece tão chato”, “para que correr uma prova se não pode vencê-la?”, “vai machucar os joelhos!”, “conheço gente que já não anda direito por ter corrido muito”, “sério que você precisa acordar cedo aos finais de semana?”. Quando se escuta esses comentários por mais de duas vezes, isso pode incomodar até mesmo o corredor mais paciente.

6. Cadarços que se desamarram
Sim! Isso é um pesadelo na corrida de rua. Você caprichou por alguns minutos antes de iniciar a corrida caprichando no melhor nó nos cadarços, tudo isso para que, no meio da prova, num instante, se desamarrem os malditos cadarços! Você então terá que parar, voltar a amarrar, retomar o ritmo e recuperar-se o mais breve possível.

7. Corredores que repentinamente param diante de você
Já sabemos que é normal que alguns corredores parem em meio às provas, mas por que não o fazem em algum cantinho? É muito incômodo, chato e até perigoso parar sem pensar em quem vem atrás. Além de forçá-lo a reduzir o ritmo, pode até mesmo esbarrar em quem parou e levar os dois ao chão, ocasionando pancadas ou lesões graves em ambos.

8. Cancelar treinamentos
Por qualquer razão: trabalho, chuva, lesão etc… Ter que cancelar um treino é uma das piores coisas que podem nos ocorrer, pois é o momento mais esperado do dia. Um contratempo desses pode fazer assomar o que temos de pior em nossa personalidade.

9. Assaduras
Assaduras no tórax, provocadas pelo uso de cintas para aparelhos de monitoramento de frequência cardíaca, ou nos braços, para poder carregar celulares.

10. Motoristas desrespeitosos
Esse item atinge aqueles corredores que usam a rua para treinar. Há muitos corredores que desrespeitam ciclistas, corredores e cachorros. Simplesmente não têm educação e acham normal tirar finas de você, o que pode provocar sustos e até quedas.

Fonte: Ativo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s